quarta-feira, 17 de setembro de 2014

SIGURD E O DRAGÃO

SIGURD E O DRAGÃO

São Jorge de Anicie é imitação
Também Rei Arthur, Aquiles
E mais uma legião
"O anel os Nibelungos" era maldito

Por isso o nosso herói se foi para o infinito
Sozinho matou o dragão Fafnir
Sigurd, sem temor, um deus neto de Odin
Inspirou estórias como "O soldadinho de chumbo"

"O senhor dos anéis"
E muitas outras pelo mundo
Fora criado como Erick, o ferreiro
Mas, nas veias pulsava sangue de guerreiro

No fim, assassinado por ciúme e traição
De nada serviu o seu nobre coração

Ateu Poeta
17/09/2014
Ateu Poeta, O Historiador de Pacoti. Tema Simples. Tecnologia do Blogger.